segunda-feira, abril 18, 2016

Um voto pela EDUCAÇÃO


Na votação do impeachment contra a presidente Dilma no último domingo na Câmara dos Deputados mostrou a nação brasileira quão estamos representados por alienados e analfabetos políticos, gramaticais e histórico, já que nossos deputados mal sabem interpretar a história do Brasil, tampouco a do mundo e claro, a concordância e o plural que deixam muito a desejar, deixando o professor Pasquele de cabelo em pé.

Agora digam-me, como pessoas tão despreparadas podem representar uma nação, mesmo sem ao menos saber se expressar?

Por isso, podemos tirar por prova da forma que devemos ser mais consciente e inteligente na hora de votar nas próximas eleições, pensando não apenas em votar porque ele é o "famosinho" na praça, mas sim pois ele tem ideias e ideais a passar e representar o país, sem enrolação e com argumentos plausíveis, diretos e objetivos, prezando pela educação e civilização, e não apenas em provar quem grita mais, sem argumentar nada e ainda julga aqueles que defendem opiniões contrárias.

Mas, até entendemos essa carência gramatical, afinal educação não é muito o forte deles, já que pessoas educadas são mais civilizadas, e não ficam pregando falso testemunho e nem colocando Deus, a família  suas morais sujas e escrupulosas em tudo em suas auto-defesas, visando só para seus próprios umbigos e esquecendo de representar quem realmente importa e sustenta o país, o povo brasileiro.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...