quarta-feira, novembro 21, 2012

Lágrimas do Silêncio


Tristeza profunda, 
tristeza sem fim, 
por quê você não sai de mim?

Não aguento chorar, 
muito menos me calar, 
quero gritar, 
mas a vida me obriga 
a me silenciar!

Então as lágrimas escorrem do meu rosto, 
quietas até o travesseiro, 
o único com quem posso desabafar
meu desespero.


Um comentário:

Sandi - Itazura Dramas disse...

O desespero. Aquilo que nunca sai da gente em qualquer situação, e que sempre atrapalha em certas escolhas

Se não sabe, joga ai embaixo;