sábado, abril 07, 2012

7 de Abril, dia do jornalista


Hoje é dia tão especial quão o dia das mães ou a independência do Brasil, pois hoje é o dia daquela pessoa que passa horas enclausurado em uma redação para produzir a notícia do jeito que ela é, e do jeito que você quer.
Passam horas e horas, para obter clareza e objetividade ao fato. Ouvindo sempre os dois lados da notícia.
Afinal, ser jornalista é muito mais do que só informar, é estar lado a lado do povo, transmitindo mais do que notícias, mas mostrando a verdade atrás dos fatos.
Cada dead line, entrevista, edições, o vulco vulco árdoa de uma redação, contatos e mais contatos com assessores, que parecem demorarem uma eternidade para responder à você.
Mas, claro você sempre paciente e tentando manter a calma, mesmo que o botão atualizar do seu comuputador já está quase afundando, de tanto que você clica sobre ele, para verificar se já responderam seu e-mail.
Não temos fim de semana e muito menos feriado, as redações são como nosso segundo lar e as máquinas de café, como nossas mães.
Nossos relacionamentos são entre as notícias e nosso editor, nossas refeições são comidas congeladas ou delivery. Tempo é algo precioso, que não temos, pois vivemos do trabalho e vivemos para trabalhar, pois se não fosse por nós, você não teria a notícia fresquinha todas as manhãs.
Até mesmo quando vamos dormir, estamos pensando em trabalho, já que nossa cabeça é uma eferverscência de conteúdo que não para nem um minuto.  
Somos pessoas que não tem medo da verdade e nem do trabalho, pois fazemos por amor e não por obrigação de só cumprir uma meta de trabalho.
Parabéns a todos os colegas que amam o que fazem e fazem por amor, pois ser jornalista é se entregar de corpo, alma e coração a cada dia, mostrando a verdade atrás dos fatos.
Viva os jornalistas!!!!
See ya...

Nenhum comentário:

Se não sabe, joga ai embaixo;