quinta-feira, janeiro 19, 2012

Procura-se Jornalistas

Onde está o jornalismo inteligente, culto e investigativo?
Com conteúdo, criatividade, ampla bagagem cultural e que transmita a notícia, sem gostar de querer virar notícia sem fundamento algum.


Vocês devem achar que estou ficando louca, e se achando a última bolacha do pacote, mas meu Deus do céu, onde vamos parar com um jornalismo tão fraco, inútil e superficial que vivemos atualmente.
Não há mais investigação na abordagem dos fatos, na criatividade da escrita, hoje em dia vivemos em um mundo em que um veículo pauta o outro, mas não se importa com a expressividade e originalidade na produção, onde qualquer um vira jornalista, sem mesmo ter sentado em um banco de faculdade.
Que jornalismo é esse?
Chega, cansamos de viver com um jornalismo que usa "repórteres" arrumadinhos e penteadinhos, mas sem conteúdo algum para passar, muito pelo contrário, só estão ali, pois saíram de reality show ou então, estão dormindo com algum produtor de TV.
Horrível escrever isso, mas infelizmente essa é a realidade em que vivemos, basta zapear pelos canais de TV, existem poucos jornalistas que hoje honram com amor e dedicação ao jornalismo, a maioria acha que é festa e glamour, até mesmo acham que jornalista é uma celebridade.
Precisamos de jornalistas ativos, que são presentes ao mundo de hoje, querem mudança e não só reproduzir o que os demais veículos já pautaram. Vamos crescer e amadurecer nossas ideias, não podemos mais engolir o que essa mídia convencional passa para nós achando que somos idiotas e que aquele assunto será relevante para nosso desenvolvimento.
Não dá mais para aguentar isso, queremos um jornalismo verdadeiro, inteligente, criativo; Um jornalismo em que já na pauta surpreenda nosso público sem sensacionalizar com reportagens de supostos estupros em programas inúteis ou mulher que diz estar grávida quadrigêmeos, mas que quando é revelada uma possível verdade, ignora a imprensa, escondendo por falta de caráter, não podemos continuar achando que tudo isso é o futuro, pois não é e nunca será, muito pelo contrário, assim iremos destruir um história tão bela e magnifica de uma das profissões mais culta que existe.
É isso ai, vamos começar abrir nossa mente e pensar mais, sobre qual jornalismo queremos escrever para deixar para o futuro da população.
See ya...

Nenhum comentário:

Se não sabe, joga ai embaixo;