quarta-feira, julho 06, 2011

A Ditadura do Capitalismo


Acompanhando a novela "Amor e Revolução" no horário nobre do SBT e refletindo sobre as crueldades que os militares faziam com aquele povo que só queria defender o Brasil de uma Ditadura que tomava conta de toda a América Latina contra o socialismo, que nascia na URSS e se instalava em Cuba.
Ditadura essa que durou longos 20 anos de torturas sangrentas contra uma sociedade que só queria igualdade e democratização, mas enquanto isso foram subordinados e torturados por covardes que usavam fardas e diziam proteger o Brasil, mas era adeptos de um regime "igualitariamente hipócrita". Visando benefícios para aos militares e ridicularizando aqueles que eram contra ao mesmo.
47 anos se passaram e ainda vivemos uma "quase ditadura", não instituída pelos militares, pois essa já faz 27 anos que acabou, quando o povo foi as ruas pedindo e revindicando as "Diretas Já", mas pelo capitalismo selvagem e desenfreado que toma em nos consumir e seduzir com suas luxúrias acessórios para aumentar nosso auto-estima. Mas será que conseguimos vencer esta sociedade, que deixou pata baixo até os militares, que diziam serem os "bambambans" do Brasil naquelas décadas negras de Ditadura Militar?
Bem, particularmente acho difícil, já que o socialismo hoje em dia pouco é comentado, e nem mesmo
expressado perante a sociedade, já que não visamos o lucro para nós mesmos, mas sim para uma comunidade, e união com seus semelhantes. Diferentemente do capitalismo, que visa o almejar o ter, mesmo que não esteja ao seu alcance, mas fará de tudo para obter aquele bem, até mesmo roubar, matar e aumentar a violência que aumenta em gráficos alarmantes em nossa sociedade.
Porém ainda, acredito que a sociedade possa mudar seu parâmetro de pensar e muito breve deixe de somente TER, mas passe também a dar prioridade para o SER. De uma forma sem demagogia ou falso moralismo junto a sociedade.
Espero que este dia esteja próximo e o ser humano visa mais com seu próximo, esquecendo tanto dos bens materiais que o cercam e o rondam, pois celular, carro e computadores, compramos outro, mas o sentimento é para sempre e não somente para derramar suas lágrimas na beira do caixão de um ente, após sua morte.
Pense bem nisso, pois depois pode ser tarde demais para reverter a situação.

Nenhum comentário:

Se não sabe, joga ai embaixo;